Marília Mendonça

Cheiro de Shampoo

Letra Cheiro de Shampoo - Marília Mendonça

E esse amor molhado
Faz tudo acontecer
Você me deixa atiçado
Pra te dar mais prazer
Eu cubro com espumas
O seu corpo nu
Nós dois de baixo do chuveiro
Amor com cheiro de shampoo
Aô, hoje tem marido
Você me dá um beijo
Me pede pra esperar
Entra no seu banho (Covarde)
Diz que já vem se deitar (Mais um homem covarde)
Deixa a porta aberta
Vai tirando a roupa (Aí que sacanagem!)
Eu fico olhando tudo
Com água na boca
Mas esses minutos parecem
Bem mais que uma hora
Você não vem, você demora
E fica alisando seu corpo inteiro (Me chama)
Então o desejo de amar
Incendeia meu peito
Não consigo esperar, não tem outro jeito
Mergulho também com você no chuveiro
(Aí, Marília invade esse banheiro)
E esse amor molhado
Faz tudo acontecer
Você me deixa atiçado
Pra te dar mais prazer
Eu cubro com espumas
O seu corpo nu
Nós dois de baixo do chuveiro
Amor com cheiro de shampoo
Aô, delícia!
É difícil superar, viu?
Aí, ô meu Deus, é bom demais
Mas esses minutos parecem
Bem mais que uma hora
Você não vem, você demora
E fica alisando seu corpo inteiro (Alisa gostoso)
(Aí a Marílinha não 'guenta)
Então o desejo de amar
Incendeia meu peito
Não consigo esperar, não tem outro jeito
Mergulho também com você no chuveiro
(Entra no chuveiro Marília!)
E esse amor molhado
Faz tudo acontecer
Você me deixa atiçado
Pra te dar mais prazer
Eu cubro com espumas
O seu corpo nu
Nós dois de baixo do chuveiro
Amor com cheiro de shampoo
Ê menino!
Delícia! É bão em, nossa, é hoje...